O 4° É CAMPEÃO

maio 7, 2017

CARILLE

O Corinthians jogou 5 partidas de clássico.

Ganhou do Real Madrid verde com 1 a menos em expulsão absurda.

Derrotou o Barça do Boqueirão.

Venceu a 3° força 1x na casa deles e empatou outras duas, sendo que em uma foi pra administrar.

Invicto em clássicos, perdendo apenas duas vezes em partidas no início da preparação.

Após 9 anos trabalhando ao lado de Mano, Tite, Mano, Tite de novo, com passagens ruins de Adilson, Cristovão e Oswaldo….Fábio Carille tinha bagagem de sobra para pegar as coisas boas e esquecer das ruins de cada um e, diferente deles, com muito menos receita comandar um time recheado de jovens jogadores.

Sim, porque com Tite e Mano saia $ das torneiras, do espirro…Liedson, Ronaldo (quando magro) Guerrero, Gil, Alex, Paulinho, Sheiks…agora…

O jogo de hoje foi pra cumprir tabela, a mesma Ponte que tinha goleado Real Madrid verde e o Barça do litoral fez apenas 1 gol…só unzinho gol… em 180 minutos contra o Corinthians.

Contra outros times foram 3…

E o gol deles só saiu depois que já estava 4×0, em meio a comemoração da festa e com os jogadores, que não são máquinas, já desconcentrados e cansados.

Foi um dos títulos que mais comemorei, pois desde as chegadas de Cristovão e Oswaldo, eu pedia Osmar Loss no comando da equipe, e depois de Carille sempre apoiei pois não tem nenhum outro treinador por ai que chegaria pra resolver as coisas…..sem conhecer o clube, como essa dupla conhece.

Fora o preço, tem time por ai gastando o crediário todo pra recontratar treinador.

Unir o time da base, de Osmar Loss e os 9 anos de experiência de Carille foi o X da questão, a receita principal para o time conseguir em 5 meses voltar a ter consistência tática, força na marcação e aos poucos começar a atacar mais, como foi nos jogos do Inter (injusta desclassificação, jogou bem) e na ótima arrancada final do Paulista, fora os clássicos.

Para o brasileirão um atacante seria bem vindo, o titulo foi mais que merecido. Diferente de 2016, o time em 2017 entra bem melhor para a disputa.

Os jornalistas experts, que hoje não aceitam as criticas da Fiel, que invadem suas Time Lines para cobrar a 4° força esqueceram de dois detalhes.

O 1° é que o futebol é um esporte, e no esporte existe treino, repetição, treino, treino e superação…e mais treino, e isso eles fizeram…

E a 2° coisa é que…

É CORINTHIANS!

Anúncios

PREVISÕES FURADAS – PARTE 2

maio 7, 2017

IMG-20170430-WA0011[3569]


PREVISÕES FURADAS – PARTE 1

maio 5, 2017

“Eu assisti todos jogos do campeonato paulista no final de semana, o Palmeiras sobra…o São Paulo ta encontrando um jogo…o Palmeiras tem um elenco FORTISSÍMO, um ataque FORTISSIMO…

 


Nunca duvidem do Corinthians. A/c imprensa!

abril 30, 2017

carille

O Corinthians venceu a Ponte Preta, por 3×0…e eles precisam agradecer que foi 3 e não 5.

Contra o Inter, tivemos as mesmas quantidades de chances, mas a bola não entrou, hoje o time chegou no ponto mais alto da preparação, o motivo é que vencemos, e não só vencemos, mas passamos por cima da Ponte Preta.

Ponte que eliminou Santos e Palmeiras, mais conhecidos como o Barça do Gonzaga e o Real Madrid Verde da Pompéia.

Janeiro a imprensa duvidou e brincou com o Corinthians, mas coube a Fábio Carille reajustar todo o trabalho,  caótico no fim do ano, promoveu e colocou pra jogar os garotos da base, deu força defensiva nos primeiros meses e nas últimas rodadas o time começou a chegar mais ao gol.

Receita feita por Mano e Tite, quantas e quantas vezes em momentos dificeis esses dois treinadores não fecharam a casinha?

Porém, eles tinham muito $ brotando, já Carille….

O time venceu com propriedade, não sofreu, dominou a equipe que, para toda a imprensa, era superior ao Corinthians.

Ocorre que a imprensa de hoje, que levou devidos esporros de Carille e E. Bapstita… a imprensa é um bando de torcedor com microfone na boca, não são profissionais sérios, levam em seus textos amarguras com treinadores, cartolas e boleiros…salvo raras excessões, um exemplo??

Zaidan, da rádio bandeirantes.

Deu gosto de ver essa final, torci muito porque a dificuldade pelo que o clube passa e o Carille ter aceitado o desafio após ter sido preterido por uma diretoria que afunda o clube em contas deficitárias sucessivas.

Foi uma vitória de Corinthians, e de preto e branco, camisa 2, listrada…

Rodriguinho participou de todos os lances, Jô fez um pivô impressionante em diversos momentos, a rapidez de raciocionio no passe do primeiro gol impressionou…desmontou a defesa da Ponte.

Jadson chegou dando a famosa bomba, sem frescuras, após um contra ataque puxado por Rodriguinho.

A dupla de zaga Pablo e Balbuena, somada a dupla de volantes Gabriel e Maycon transformam a função de criar dos adversários num inferno.

Time bom, antes de tudo, tem que ser encardido para criar, e isso foi o 1° passo de Carille, agora..o time começa a se soltar.

E para Casagrandes da vida e outros, que já falam do brasileirão…o Corinthians ganhou da ponte, time de série A, do São Paulo e só caiu pro Inter por fatalidade de gols perdidos, estamos bem pro brasileirão também…. O APROVEITAMENTO em clássicos foi excelente…até porque o resto…também, não é la essas coisas.

Muito menos Real Madrid.

VAI CORINTHIANS


4° força finalista

abril 23, 2017

Em 4 meses de carreira, Carille chega em sua 1° final.

Sem $ aos tubos para contratar e tendo que, não por planejamento mas por necessidade, ter que usar a base (algo que o clube e antigos treinadores pareciam ter alergia).

O jogo mal começava e para Caio Ribeiro o São Paulo vivia momento melhor…VAI EXPLICAR? Tem que internar numa sala almofadada sem quinas, a imprensa nesse fds exalou torcida e praticou pouco jornalismo.

O time domingo pra mim jogou pior do que 4° feira. Para Casagrande foi o contrário…ele jogou bola, fez 103 gols no Corinthians… eu devo estar vendo outros jogos … enfim…deixa o Casa pra la e a imprensa também, vamos ao jogo…

A verdade é que o adversário não tinha padrão nenhum e isso nos beneficiou. No 1° tempo tivemos 3 chances, num chute do Rodriguinho  (da uma bola pro Rodriguinho, nao bate penalty mas chuta 300 fora da área) e outro de Romero na trave.

Gol legal de Jô e no 2° tempo o Corinthians só chegou em um chute de fora do Rodriguinho (de novo). O lance do Kazin, impedimento…ele perdeu.

Bastava apertar que eles sentiam.

O São Paulo não criava, além dos méritos da nossa forte defesa, o time não tinha jogadas para penetrar e chuveirou.

Jogo nervoso e no 2° tempo show de esbarrões, tapas e cartões…

Tivemos muito mais chances de gol 4° feira do que hoje.

E sofremos menos também la atrás, porém isso para a Ponte terá que ser diferente pois a equipe de Campinas é mais time que o São Paulo e provou ser mais time que o badalado supra sumo Real Madrid verde.

Quem, em janeiro, nos canais de tv, sites e redes sociais neuróticas de jornalistas que mais parecem torcedores….

…quem cravou Corinthians e Ponte na final?

Equipes bem ajustadas podem superar a individualidade.

Foi assim em muita Copa do Mundo, 2006 por exemplo, Brasil seleção do momento, comerciais da Nike, Ronaldinho, Ronaldo, Rivaldo..Kaká…futebol arte, favoritaço…foi dominada por uma França bem postada…

Parabéns Carille, tem muito treinador por ai que demorou anos pra chegar em uma final, e tinha um orçamento de dar inveja.

 

Carille e jogadores como Arana e Maycon foram fundamentais, quanto não custaria por ai no mercado um lateral e um volante desse nível? Gabriel faz bem o papel de camisa 5, Jadson cerebral e Jô decisivo marcando gols nos clássicos, reforços que vieram pelo salário sem contratações suntuosas, que mais uma vez, no Real Madrid verde, ficou provado que não é o caminho certo…a tal gastança e ostentar reforço.

Algo que fizemos ano passado, sem $ com Guilherme, Marquinhos…Giovani Augusto, uma gastança sem precedentes do Roberto, o que enaltece ainda mais o que o Carille fez, salvou a pele da diretoria.


Aula de como se perder gols

abril 20, 2017

Discordo…e discordo muito da corrente capitaneada pelo irreconhecível Casagrande de que o time não queria jogo!

Ele viu outro jogo.

O Corinthians não fez 1×0 e recuou, como fez em muitas vezes no passado recente, exemplos de Mano contra Atletico e Tite contra Nacional…e com times MUITOOO MAIS FORTES, com $ brotando das alamedas do PSJ.

Após o gol, o Inter veio pra cima, algo normal né…e no fim do 1° tempo tivemos uma bela triangulação dentro da área e Romero…mandou um chute fraquinho, todo desiquilibrado.

No 2° tempo, Romero cruzou na cabeça de Rodriguinho, que não meteu aquela testada de Casagrande, quando o Casa era legal…quis tirar do goleiro com estilo e tirou demais

Em outros jogos o Rodriguinho já havia perdido gols, e muitos gols cara a cara… mas em lances seguintes marcava um.

Porém no esporte a coisa não é assim, não vai ter segunda chance sempre, não vai sobra bola toda hora após erro crasso, e ontem a conta chegou, o esporte te cobra com o dedo na cara, perde gol demais? faz gol e “cala críticos”….pois nem sempre vai ter a 2°vez.

Já com o gol de empate tomado após boas defesas de Cássio, o time foi pra cima, Clayton mandou na radial leste, perto do shopping metrô itaquera, a bola bateu nos trilhos da cptm, do metrô… livre..sozinho.

Jô, decisivo nos clássicos ontem no fim do jogo teve mais uma claríssima chance.

No jogo de ida Giovani Crossfit Augusto já perdera outro gol.

O time não fez 1×0 e colocou fraldas! Foi pra cima, dentro de todas as limitações e caos implantados nos últimos meses de gestão, trocas e negociações melaram, o clube se vê diante de uma total falta de poder de contratar.

Carille foi metralhado por um Casagrande que viu um jogo diferente do meu, e do comentarista convidado da globo do sul (não sei o nome) mas parabéns a ele, disse tudo o oposto do Casagrande.

A incoerência era tamanha que, no fim do jogo, com 1×1, ele criticou o fato do Carille por o time ainda mais pra frente… oras..já tivemos chances antes e tivemos mais depois…e agora, no mundo dele que era de retranca, quando o time vai pra frente…reclama…e pra fecha, disse que o Inter estava tranquilo no jogo…. ONDE?

Em dados momentos, era claro o constrangimento… mas enfim, voltando ao time, que fiquem horas…e horas…treinando finalização…mas não adianta muito, atletas maduros, rodados e acomodados..diferentes de Netos e Zicos, que ficavam horas pós treino batendo falta…eles treinam o que é exigido e vão pegar o trem, o onibus e dormem tarde, para acordar cedo e ganharem um salário tão baixo para jogar bolas na radial leste cara a cara com o goleiro.

Parabéns Carille, você fez o time jogar, ser forte na marcação e ter 5 chances claras de gol, quando a bola fica o jogador e o goleiro…você esta no banco..é com eles.

Agora juntar os cacos para domingo, se jogar igual o que jogou ontem, perdendo uma chuva de gols vai dar mais emoção.

Ontem foi uma das eliminações que mais lamentei, por todo o contexto que esta por trás do clube no momento, o time lutou, muita organização tática, vontade…mas técnica e uma certa máscara na hora de finalizar.

O pior de tudo, sem muitos jogos na Arena, a situação de pagar as prestações do estádio sem preço fica ainda mais prejudicada.

Ate domingo.


4° e 5° forças vencem nas semi-finais do paulisTÃO.

abril 16, 2017

Ponte Preta 3×0 Real Madrid Verde

São Paulo do Mito Deus lenda técnico super mega power 0x2 Corinthians Carille

A 2° força, o Santos já foi eliminada faz tempo, a 1° força tomou de 3 e poderia ser 4 se o juizão marcasse o penalty mais escandaloso do paulistão, como diria Levir Culpi, o campeonato esta manchado.

Já pensou se o Cássio me da uma tesoura voadora daquela na área o que a imprensa falaria? Estariam invadindo o Parque São Jorge com tochas e pedras para pedir a extinção do clube e nos chamando de time que só ganha roubado.

Mas…silêncio.

Casagrande enalteceu o jogo da Ponte (justo) mas não criticou em nada o time derrotado…ahh se fosse…

E o Corinthians, de novo com Jô decisivo em clássico venceu “”fora de casa”” (bota aspas nisso) por 2×0, levando enorme vantagem para a segunda partida, em casa (sem preço definido, auditória ta analisando os azulejos agora?)

As 3 equipes elogiadas em prosa em verso foram muito mal, totalmente dominadas pelos adversários enquanto Corinthians e Ponte jogaram um futebol intenso, de marcação forte e chegada rápida no ataque, mostrando que posse de bola é estatística furada e que a imprensa em janeiro comentou com o intestino delgado.

Torcer para a torção de Jadson não ser grave. O time não perde faz tempo, esta seguro na defesa, toma poucos gols e o sufoco que tomamos no fim é “normal” pois a equipe é similar ao que foi nos anos anteriores, excetos os buracos deixados nos curtos periodos de Adilson e Oswaldo…

Mesmo com o belo trabalho de destruição financeira, nefasta de gastanças e deficits, o Carille vem salvando a pele da cartolaiada corinthiana, após desmanches sem planejamento algum, ele pegou a base e …da união da base com 2 reforços chaves, Jô e Jadson, fez o time crescer e ganhar corpo, aquele frágil time do 2° semestre do ano passado, que tomou 4 no Morumbi é passado, voltamos la e jogamos muito bem.

Já pensou se fosse o Carille que perdesse 2 jogos decisivos em casa por 2×0 na mesma semana.. o que a midia estaria falando?

No aguardo do uso da palavra CRISE…na espn, uol e fox para o time mais amado …da imprensa!

Que bom domingo, em?

O que vocês acharam do jogo?


%d blogueiros gostam disto: